Bayer espera um crescimento dinâmico com maior rentabilidade nos próximos anos e está acelerando sua transformação

Crop Science: Liderança evidente em inovação em seu setor - crescimento esperado de vendas e ganhos acima do mercado / Pharmaceuticals: Crescimento adicional planejado até 2023, novos produtos deverão compensar amplamente o efeito da expiração de patentes - posição na terapia celular e gênica será expandida / Consumer Health: Passou de um desempenho inferior para um desempenho superior no setor - mais vendas e ganhos planejados / Os ganhos principais por ação devem aumentar entre 7,00 e 7,50 euros até 2024 / Mais melhorias operacionais a fim de aumentar o fluxo de caixa livre para 5 bilhões de euros até 2024 / Bayer em excelente posição para se beneficiar da biorevolução em saúde e nutrição

São Paulo, março de 2021 - A Bayer está definindo seu percurso rumo ao futuro com um plano de ação claro. A empresa está tomando medidas destinadas a fortalecer o crescimento das vendas, a rentabilidade e o fluxo de caixa livre. Falando no Dia do Mercado de Capitais virtual na quarta-feira, o CEO Werner Baumann enfatizou as perspectivas de crescimento de longo prazo da Bayer: “A Bayer é uma empresa líder em ciências da vida, posicionada de forma única na intersecção da saúde e nutrição - com perspectivas interessantes de crescimento, ganhos e fluxo de caixa”. Todas as três divisões devem contribuir para o sucesso da empresa nos próximos anos, disse Baumann. "Em Crop Science, estamos visando um crescimento acima do mercado a partir de 2022. Também estamos visando um crescimento acima do mercado na divisão Consumer Health. E em Pharmaceuticals, estamos observando o sucesso em nosso pipeline em fase final e estamos muito bem posicionados com os investimentos que estamos fazendo em nosso futuro. Planejamos continuar a crescer no setor farmacêutico apesar das expirações de patentes e só esperamos registrar um modesto declínio nas vendas em 2024”, disse ele.

 

Baumann citou três fatores para o crescimento do negócio e o aumento do valor da empresa. Primeiramente, as inovações nas ciências da vida estão em maior demanda do que nunca - graças às megatendências de longo prazo, tais como o crescimento e envelhecimento da população mundial e a crescente necessidade de um desenvolvimento econômico mais sustentável. Em segundo lugar, a biorevolução está impulsionando inovações em todas as divisões da Bayer - com grande progresso em biologia celular, edição de genes e ciência de dados. E em terceiro lugar, a empresa está agilizando sua transformação e aumentando ainda mais sua eficiência.

 

As megatendências sociais e o avanço da biorevolução estão aumentando a dinâmica dos mercados nos quais a Bayer atua. “No setor farmacêutico, as novas tecnologias poderiam nos ajudar não apenas a tratar, mas provavelmente curar ou até mesmo prevenir doenças”, disse Baumann. Novas oportunidades também estão surgindo na agricultura. “Novas variedades de cultivos que diminuirão a necessidade da planta por fertilizantes, pesticidas ou água reduzirão o impacto ambiental da agricultura - ao mesmo tempo em que aumentarão a produtividade”, disse ele. Além disso, novos modelos de negócios estão sendo desenvolvidos, com os agricultores pagando por resultados alcançados em vez de produtos individuais e sendo incentivados por práticas sustentáveis, tais como o sequestro de carbono no solo. “Estamos em excelente posição para aproveitar as oportunidades que estas dinâmicas apresentam - para o benefício das pessoas que utilizam nossos produtos e, através do crescimento sustentável, para o benefício de nossos acionistas”, disse Baumann.

 

A sustentabilidade é uma parte integrante da estratégia comercial, dos planos de crescimento e dos sistemas de incentivo da Bayer, enfatizou Baumann, citando como exemplo a decisão da empresa de se tornar neutra em carbono até 2030.

 

A Bayer também está mostrando seu senso de responsabilidade durante a crise da COVID-19, aplicando seus conhecimentos e recursos para ajudar a enfrentar o vírus - em sintonia com a visão da empresa de “Saúde para todos, Fome para ninguém”. Isso inclui sua colaboração com a CureVac, com a Bayer auxiliando a empresa no desenvolvimento contínuo, fabricação e fornecimento de sua vacina contra a COVID-19.

Planeja-se que o crescimento das vendas da Bayer recupere o impulso em 2021 e se acelere ainda mais nos anos seguintes. Até 2024, prevê-se que as vendas líquidas atinjam 43 a 45 bilhões de euros. As projeções da Divisão Crop Science apontam que a taxa de crescimento anual ("Fx & portfolio adj.") da Divisão Crop Science será de 3 a 5% entre 2022 e 2024, e, portanto, mais rápida do que a do mercado. “Fizemos grandes progressos na agricultura digital e com as aprovações regulatórias recebidas recentemente para o milho, a soja e o algodão. Estes dois aspectos nos ajudarão a acelerar o crescimento daqui para frente”, explicou Baumann.

Estas novas aprovações permitirão uma atualização da tecnologia da soja nas Américas com os lançamentos da soja XtendFlex™ combinada com o produto de proteção de cultivos XtendiMax™ na América do Norte e da soja Intacta2Xtend™ na América Latina. Além disso, espera-se um forte crescimento do portfólio de defensivos agrícolas, com oito novas formulações a cada ano. Além de 2021, vários lançamentos de produtos estão planejados, incluindo várias centenas de novas variedades de milho, soja e vegetais a cada ano. O pipeline de Crop Science contém inovações revolucionárias, como milho de baixa estatura, tolerante a cinco herbicidas diferentes, e o primeiro candidato da indústria a ser um novo herbicida total pós-emergência em 30 anos. Além disso, Crop Science alcançou uma posição de liderança com sua plataforma de agricultura digital FieldView™. O sistema atualmente tem uma penetração de 150 milhões de acres e continua crescendo rapidamente. “Crop Science é claramente a líder da indústria em inovação. Mais do que qualquer outra empresa, somos pioneiros na transformação digital e em sustentabilidade na agricultura”, disse Baumann.

 

A Divisão Pharmaceuticals também deve apresentar um crescimento anual robusto nas vendas de 3 a 5% (Fx & portfólio adj.) até 2023. Em 2024, a Bayer prevê um declínio percentual de um dígito baixo a médio nas vendas desta divisão devido à expiração de patentes para seus produtos de sucesso de vendas Xarelto™ e Eylea™, com a indústria farmacêutica pronta para a retomada do crescimento sustentável em 2025.

 

Além de fortalecer ainda mais seus negócios nos EUA e expandir sua posição de liderança na China, a Divisão Pharmaceuticals está empenhada em aumentar sua capacidade de inovação e em continuar a desenvolver seu pipeline de pesquisa. "Estamos bem posicionados com a introdução no mercado de nossos promissores ativos em fase final do pipeline", disse Baumann. Entre eles, em particular, o medicamento contra o câncer Nubeqa™, os medicamentos cardiovasculares vericiguat (comercializados nos Estados Unidos sob a marca Verquvo™) e finerenone, e elizanetant para o tratamento não-hormonal dos frequentes sintomas da menopausa.

 

A Bayer também está fazendo um progresso substancial no fortalecimento de suas capacidades de inovação, estabelecendo uma posição de liderança em terapia celular e gênica e buscando aquisições, parcerias e acordos de licenciamento. Somente no ano passado, a empresa concluiu mais de 25 acordos de colaboração e licenciamento e aquisições em sua Divisão Pharmaceuticals. Um exemplo disso é a aquisição da Asklepios BioPharmaceutical (AskBio), uma empresa líder no campo da terapia gênica.

 

Recentemente, a Bayer anunciou os promissores resultados iniciais alcançados por sua subsidiária BlueRock Therapeutics. "Demos início aos ensaios clínicos com uma nova abordagem terapêutica para a doença de Parkinson, um distúrbio neurológico, que poderá abrir caminho para grandes avanços na batalha contra esta doença debilitante - isto representa um grande passo em frente para todo o campo da terapia com células-tronco", disse Baumann.

 

As vendas do segmento Consumer Health também deverão aumentar de 3 a 5% (Fx & portfolio adj.) anualmente, com a divisão pronta para ganhar mais participação de mercado. "Agora, o principal objetivo do segmento Consumer Health é consolidar o crescimento substancial e as melhorias de margem observadas nos últimos 18 meses. Nosso foco agora é o crescimento sustentável e lucrativo acima do mercado na liderança de nosso setor", explicou Baumann. O crescimento deve ser impulsionado por inovações líderes e marcas fortes, uma maior digitalização do negócio e, potencialmente, também por aquisições complementares.

As divisões mostram perspectivas atraentes de ganhos no médio prazo. Está previsto que Crop Science atinja uma margem LAJIDA antes dos itens especiais entre 27 e 29% até 2024, com base em melhorias adicionais de eficiência. Diante do aumento do investimento em P&D, espera-se que a Divisão Pharmaceuticals alcance uma margem LAJIDA antes dos itens especiais de 32 a 34 por cento até 2023. As projeções indicam que sua margem permanecerá acima de 30% mesmo em 2024, apesar do efeito da expiração da patente. Para Consumer Health, a Bayer prevê aumentar ainda mais a margem LAJIDA antes dos itens especiais em direção a uma porcentagem por volta de 25.

Além do crescimento planejado, o programa de eficiência anunciado em setembro de 2020 também ajudará a fortalecer o poder aquisitivo da empresa. "Nosso objetivo é sermos uma empresa ainda mais simples, enxuta e flexível", explicou o CFO Wolfgang Nickl. “Ao fazer isso, estamos liberando recursos adicionais para investir em inovação e crescimento, o que nos permite fortalecer ainda mais a lucratividade.” Espera-se que o programa proporcione uma economia anual de mais de 1,5 bilhões de euros a partir de 2024.

 

A previsão de lucros principais por ação para o Grupo Bayer é de 7,00 a 7,50 euros em 2024, com base em moedas constantes. O fluxo de caixa livre deverá crescer para cerca de cinco bilhões de euros até 2024. Esse valor leva em conta os desembolsos de cerca de um bilhão de euros para encargos especiais.

 

Como Nickl explicou, a Bayer definiu prioridades claras para a alocação de capital. “Primeiro, vamos nos concentrar em desalavancar nosso balanço patrimonial após os pagamentos previstos de litígios. Em segundo lugar, uma parte significativa de nosso capital deve ser usada para dividendos. Manteremos nossa política de dividendos e planejamos pagar 30 a 40 por cento do lucro básico por ação. Outros recursos devem ser investidos em aquisições complementares, especialmente no segmento Farmacêutico e de Consumer Health.” A dívida financeira líquida deverá cair para entre 28 e 30 bilhões de euros até o final de 2024 - sem considerar o potencial valor do desinvestimento.

Sobre a Bayer

A Bayer é uma empresa global focada em Ciências da Vida nas áreas de saúde e nutrição. Seus produtos e serviços são desenvolvidos para ajudar o desenvolvimento do planeta e das pessoas, apoiando os esforços para enfrentar os grandes desafios apresentados pelo crescimento e envelhecimento populacional no mundo. A Bayer se compromete a impulsionar o desenvolvimento sustentável e gerar um impacto positivo a partir de seus negócios. Ao mesmo tempo, o Grupo visa a aumentar seu poder de ganho e criar valor por meio da inovação e do crescimento. A marca Bayer representa confiança, confiabilidade e qualidade ao redor do mundo. No ano fiscal de 2020, o Grupo contou com cerca de 100 mil colaboradores e obteve vendas de € 41,4 bilhões. As despesas com Pesquisa & Desenvolvimento somaram € 4,9 bilhões. Para mais informações, acesse www.bayer.com.

 

Nota

Mais informações estão disponíveis na internet em www.bayer.com/live-ic:

  • Materiais de apresentação para ambos os dias
  • em 10 e 11 de março de 2021, a partir de aprox. 14h00 - 17h00 CET, respectivamente: Transmissão de áudio ao vivo das apresentações, incluindo discussões 
  • em 12 de março de 2021: Gravações em vídeo e transcrições das apresentações e discussões

 

Declarações prospectivas

Este comunicado pode conter declarações prospectivas baseadas em suposições e previsões atuais feitas pela gestão da Bayer. Vários riscos conhecidos e desconhecidos, incertezas e outros fatores podem levar a diferenças relevantes entre os resultados futuros reais, situação financeira, desenvolvimento ou desempenho da empresa e as estimativas aqui apresentadas. Esses fatores incluem aqueles discutidos nos relatórios públicos da Bayer, disponíveis no site da Bayer em www.bayer.com. A empresa não assume nenhuma responsabilidade quanto à atualização dessas declarações prospectivas ou sua adaptação incluindo eventos ou acontecimentos futuros.


Se você deseja relatar um evento adverso ou fazer uma queixa técnica relacionada a qualquer produto da Bayer S.A.,
por favor, contate o seu médico ou acesse: https://safetrack-public.bayer.com/.
Para obter mais informações sobre benefícios e riscos dos medicamentos acesse: http://pacientes.bayer.com.br/.
Acordo celebrado com o CADE – Saiba Mais: https://www.bayer.com.br/pt/sustentabilidade/acordo-de-controle-em-concentracoes-firmado-com-o-cade