SAÚDE

Saúde cardiovascular em foco durante agosto azul e vermelho

Mês alerta sobre a importância de monitorar o funcionamento do coração, artérias, veias e capilares para prevenir doenças 

O coração é um órgão vital e é responsável por bombear o sangue, que se movimenta pelas artérias e veias por todo o organismo para levar oxigênio e nutrientes para as células.

 

Esse conjunto composto por coração, veias e artérias, somados aos capilares, representa o sistema cardiovascular, também conhecido como sistema circulatório. Mas você já parou para pensar na sua saúde cardiovascular? É durante o mês de agosto, em que se celebra o Agosto Azul e Vermelho"1, que a Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular, promove diversas ações para levar ainda mais conscientização sobre este sistema tão complexo e sobre as doenças que o acometem.

 

Apoiada pela Bayer, a campanha faz referência aos livros médicos, que ilustram as veias do corpo humano em azul e as artérias com o vermelho, e busca orientar a população geral sobre prevenção e tratamento de doenças venosas e arteriais, tais como a Trombose Venosa Profunda (TVP), Doença Arterial Obstrutiva Periférica (DAOP), Linfedema, Acidente Vascular Cerebral (AVC), Doença Carotídea, Pé Diabético, Aneurisma de Aorta Abdominal (AAA) e Varizes.

 

Além disso, é também no mês de agosto que se celebra o Dia do Cardiologista no dia 14 e o Dia do Cirurgião Vascular e o Dia da Consciência Vascular, no dia 15.

 

Mantenha a saúde cardiovascular em dia!

Para manter a saúde cardiovascular em dia, é recomendável adotar bons hábitos, como ter uma alimentação nutritiva e boas noites de sono, praticar atividade física, controlar o peso, manter o colesterol e a pressão arterial em níveis adequados, além de afastar fatores de risco como o uso de cigarro2.

 

Além de ter uma rotina saudável, vale a pena se informar sobre as doenças que afetam o sistema circulatório e dicas para buscar auxílio especializado e realizar exames de rotina. Mas, você sabia que essa área envolve diferentes especialidades médicas? A depender dos sintomas, pode ser preciso procurar um cardiologista, angiologista, cirurgião vascular ou até mesmo um neurologista.

 

Para monitorar a saúde do coração, por exemplo, é importante passar por consulta com um médico cardiologista. Esse profissional é o responsável por solicitar e interpretar exames cardiológicos tais como ecocardiograma, eletrocardiograma e cintilografia do miocárdio, além de agir para tratar casos de arritmia e insuficiência cardíaca, miocardite, entre outras doenças que acometem o coração.

 

Já dores nas pernas, inchaço e manchas podem indicar complicações vasculares, tratadas pelo angiologista e também pelo cirurgião vascular. Esses problemas geralmente são mais frequentes nos membros inferiores, como, por exemplo, o surgimento de varizes nas pernas. Outra doença preocupante é a trombose, causada pela formação de coágulos que obstruem veias ou artérias e dificultam a passagem do sangue3. Leia mais no Blog Bayer: mulheres sofrem mais com a incidência de tromboembolismo.

 

No entanto, quanto o paciente manifesta uma doença em vasos sanguíneos localizados no cérebro, é indicado procurar um neurologista. Os problemas vasculares na região cerebral podem ter como consequência até mesmo um acidente vascular cerebral (AVC), o popular “derrame cerebral”. Se o quadro do paciente exigir intervenção cirúrgica, então será necessário contar com um neurocirurgião.

 

Tags: cardiovascular, sistema circulatório, cardiologista, angiologista, cirurgião vascular.

 

Referências:

1https://sbacv.org.br/edicao-26-julho-2021/

2https://referenciaincor.com.br/prevencao/

3https://www.bayer.com.br/pt/blog/mulheres-sofrem-mais-incidencia-tromboembolismo

 

PP-XAR-BR-0935-1 – Agosto/2021