SAÚDE

O que as assaduras têm a ver com o sono do bebê?

Problemas na pele podem causar coceira e ardência, gerando desconfortos que atrapalham os momentos de descanso dos pequenos.

A qualidade do sono dos bebês é uma preocupação constante dos pais. O maior desejo é que eles durmam tranquilamente a noite toda. No entanto, é comum que os anjinhos despertem algumas vezes. Quando os pais acordam com o choro do filho, então começa a preocupação. Será que é fome? Ou será que o bebê está incomodado com fralda suja, frio ou calor? Será que são cólicas?

 

bepantol-baby

 

O jogo de adivinhação dos pais pode ter outra resposta popular: as assaduras. Elas causam grande desconforto aos pequenos. Deixando a pele irritada e avermelhada, muitas vezes apresentando ardência, coceira e dor, as assaduras prejudicam a rotina do bebê e atrapalham os momentos de descanso. Tratar as assaduras pode melhorar a qualidade do sono dos bebês e trazer tranquilidade aos pais.

 

A dica é manter a pele do bebê limpa, hidratada, confortável e sequinha. A hora do soninho pode seguir um “ritual” que acalma e deixa o bebê preparado para descansar. Tudo começa com um banho adequado, com água aquecida em temperatura de 35 a 37 graus. É preciso secar bem o corpo do bebê, e colocar a fralda após preparar a pele com um creme hidratante e protetor para a prevenção de assaduras.

 

Em seguida, os pais alimentam o bebê, sendo recomendável também reduzir a intensidade das luzes e ruídos do ambiente, assim como contar uma história ou ninar o pequeno com uma música calmante. Esse “ritual” cria uma atmosfera aconchegante que traz bem-estar e estimula o sono.

 

Por que as assaduras incomodam tanto?

“A pele é o maior órgão do corpo humano. A do bebê já é desenvolvida, mas para chegar ao nível de um adulto, demora entre dois e três anos de idade”, afirmou o pediatra Dr. Claudio Len, em notícia da revista Pais & Filhos.

 

As assaduras se originam por várias razões, tais como a fricção constante da pele nas “dobrinhas” do bebê e o contato com sujeiras presentes na fralda, de xixi e cocô. As assaduras podem provocar vermelhidão, bolinhas, inchaço e até descamações na pele do bebê, especialmente na região do bumbum e da virilha. Por isso, todo o cuidado dermatológico é bem-vindo para promover o bem-estar da criança.

 

A Bayer auxilia papais e mamães com o antiassaduras Bepantol® Baby, desenvolvido especialmente para proteger a pele do bebê de assaduras e promover uma restauração natural de dentro para fora.

 

Com uma formulação pura, pode ser usado até mesmo em recémnascidos. Livre de agentes potencialmente irritantes, tais como: parabenos, conservantes e fragrâncias. Bepantol® Baby contém pró-vitamina B5, conhecida por ser capaz de restaurar e deixar a pele macia, além de formar uma poderosa barreira transparente, que deixa a pele respirar e não racha ao longo do tempo. Dessa forma, a pele do bebê fica hidratada e protegida por até dez horas.

 

O creme pode ser aplicado em todas as trocas de fraldas, prevenindo assaduras.

 

Tags: pele do bebê, assaduras, fraldas, Bepantol, sono.