Bayer apresenta iniciativas em saúde para 2021

Inovação, transformação digital e autocuidado são os pilares que norteiam os projetos da companhia nas divisões Pharmaceuticals e Consumer Health

São Paulo, janeiro de 2021 – A Bayer, multinacional alemã com 157 anos de história e atuação nos pilares de saúde e nutrição, comemora, este ano, 125 anos no Brasil. Para iniciar as celebrações da data, a empresa promoveu hoje (27) o Encontro Virtual One Bayer com os seus principais líderes de negócio para anunciar os próximos passos das suas divisões no país. Do ponto de vista institucional, a companhia anunciou um novo direcionamento para a sua estratégia organizacional: a colaboração. A nova proposta da empresa está alinhada ao fato de que 2020 foi um ano particularmente desafiador, com a pandemia do novo coronavírus evidenciando que a humanidade enfrenta, a partir de agora, desafios coletivos. Para solucioná-los, atores isolados não bastam: é preciso haver cooperação, parceria e colaboração entre empresas, startups, instituições, pessoas e governos.

 

O encontro também contou com a apresentação de um manifesto comemorativo aos 125 anos da empresa no Brasil, que finaliza com a assinatura “Você e Bayer: é bom!”, em um jogo de palavras com o centenário slogan “Se é Bayer é Bom”. A novidade, segundo a empresa, não se trata de uma campanha, mas sim de um desejo de como ela quer ser percebida pelas pessoas: uma empresa mais colaborativa e conectada com os propósitos da sociedade brasileira.

 

Em saúde, as divisões Pharmaceuticals e Consumer Health seguem em linha com o propósito da companhia, tendo como principais pilares a inovação e a transformação digital, ferramentas essenciais para estimular o autocuidado e oferecer opções de produtos e medicamentos que atendam às necessidades das pessoas, contribuindo com seu bem estar e a qualidade de vida.

 

Olhando para o negócio de Pharma, “nossos investimentos estão focados em medicamentos inovadores que oferecem significativos benefícios clínicos e priorizam a qualidade de vida dos pacientes, prioritariamente nas áreas terapêuticas de Oncologia, Saúde Feminina, Cardiologia, Oftalmologia, Pneumologia e Hemofilia. Gostaríamos de ressaltar também os 10 lançamentos de Pharma que estamos prevendo entre 2019 e 2022, com alguns, inclusive, já tendo chegado ao mercado, como Kyleena e Nubeqa”, afirma Adib Jacob, presidente da divisão farmacêutica no Brasil e líder regional da divisão na América Latina.

 

O Brasil é um mercado-chave para a área Farmacêutica da Bayer globalmente e, até 2023, tem a meta de crescer dois dígitos. E, se já existia um foco claro para inovar, crescer e ser mais digital, o cenário de pandemia impulsionou isso. “Pudemos superar muitos dos desafios impostos pela crise da Covid-19, justamente porque já temos em nosso mindset a cultura digital. Entre março e agosto de 2020, por exemplo, a Bayer impulsionou mais de 1.3 milhão de interações digitais, com mais de 100 mil médicos contatados, 500 grandes eventos para médicos e força de vendas e 3 lançamentos relevantes 100% digitais”, explica Adib.

 

Por fim, a Bayer tem desenvolvido e investido em seu amplo potencial de aplicação em áreas terapêuticas mais críticas, consolidando sua liderança no campo da terapia celular e gênica. “É imperativo que a gente siga nesse caminho e que possamos também evoluir rumo a uma indústria cada vez mais voltada à biotecnologia. Com a implementação dessa estratégia, demos um passo transformador para a sustentabilidade dos nossos negócios e, ainda mais importante, para entregar inovações revolucionárias aos pacientes”, finaliza Jacob.

 

Sydney Rebello, presidente da divisão de Consumer Health no Brasil, conta que a pandemia também fez com que a área apesentasse números positivos em 2020. “O autocuidado, nosso grande pilar estratégico em Consumer Health, se fortaleceu ainda mais no último ano, devido às mudanças na rotina e nos cuidados decorrentes do cenário de pandemia. As pessoas passaram a se cuidar mais, a se prevenir de doenças e outros problemas”, comenta.

 

“Mas não para por aí: a gente continua se reinventando e trabalhando para oferecer produtos e ferramentas inovadores para estimular ainda mais o autocuidado”, diz Sydney. Um exemplo disso é o Projeto Cegonha, iniciativa em parceria com o LifeHub, centro de inovação aberta da empresa, com utilização de seu know-how em assuntos médicos, regulatórios e de mercado. A expectativa é contribuir para o autocuidado da gestante, de forma a promover melhor qualidade de vida para ela e o bebê, por meio, inclusive, de um aplicativo – o app Cegonha. O lançamento está previsto para o 2º semestre de 2021.

 

Confira uma retrospectiva e próximos passos de Pharmaceuticas e Consumer Health na Bayer:

 

Pharmaceuticals

Quando o assunto é saúde, a Bayer está presente nas diferentes fases da vida das pessoas, desde o planejamento familiar, até o envelhecimento, sendo uma aliada importante no tratamento de diversas doenças que podem surgir ao longo dessa jornada, sempre em busca de promover uma melhor qualidade de vida aos pacientes.

  • A divisão farmacêutica concentra seus investimentos em diferentes áreas terapêuticas, como Oncologia, com tratamentos para diferentes tipos de câncer, como o de próstata; Cardiologia, com medicamentos que contribuem com a prevenção à trombose e ao AVC, por exemplo; Hematologia, com terapias modernas e de última geração para hemofilia A; Oftalmologia, com tratamento para diferentes doenças da retina, evitando ou revertendo a cegueira evitável; e Saúde Feminina, com diversos métodos contraceptivos, entre eles os DIUs  hormonais, contribuindo com o planejamento familiar das jovens e mulheres – algo tão importante e decisivo para sua vida.
  • Um exemplo do compromisso da Bayer com as mulheres é o desenvolvimento de diversos tipos de contraceptivos ao longo dos últimos 60 anos, sendo o último, lançado em 2020, um marco do que há de mais moderno atualmente em contracepção – o Kyleena®, DIU hormonal de menor tamanho e menor quantidade de hormônios do mercado.
  • Vale citar também os demais lançamentos recentes que fizemos nos últimos dois anos, tendo como foco e prioridade os pacientes brasileiros:
    - Vitrakvi® (larotrectinibe), para o tratamento de pacientes adultos e pediátricos com tumores sólidos localmente avançados ou metastáticos que apresentam uma alteração em um gene chamado NTRK
    - Nubeqa® (darolutamida), medicamento oral que além de atrasar o tempo de aparecimento de metástases, melhora a qualidade de vida e reduz o risco de morte em pacientes com câncer de próstata não metastático resistente à castração.
    - Nova indicação do anticoagulante Xarelto®, para a proteção vascular de pacientes com doença arterial coronariana (DAC) e doença arterial periférica (DAP).
  • No início de 2020 recebemos também a aprovação da Anvisa para dois medicamentos na área de Hemofilia: Kovaltry® e Jivi®. Ambos são fatores de coagulação recombinantes destinados ao tratamento de pacientes com hemofilia A. São tratamentos modernos e que oferecem mais autonomia aos pacientes, pois ambos permitem mais flexibilidade em suas administrações.

  • Atualmente, a divisão farmacêutica da Bayer tem um portfólio de 38 marcas (moléculas) comercializadas no Brasil. 

A inovação na Bayer como um todo é permeada pela colaboração, seja com startups, indústria, pesquisadores, instituições, entre outros. Com a divisão farmacêutica, isso não é diferente – exemplo disso são as recentes aquisições anunciadas pela companhia, no sentido de expandir seu portfolio e oferecer opções ainda mais modernas e para diferentes perfis de pacientes.

  • Aquisição da BlueRock Therapeutics, empresa de biotecnologia com foco no desenvolvimento de terapias celulares nas áreas de neurologia, cardiologia e imunologia. A transação também dará à Bayer a propriedade da plataforma CELL + GENE da empresa, incluindo tecnologia proprietária iPSC, engenharia genética e capacidades de diferenciação celular. 
  • Aquisição da KaNDy Therapeutics Ltd., empresa de biotecnologia em estágio clínico do Reino Unido. Com essa aquisição, o intuito da Bayer, líder global em saúde feminina, é expandir seu portfólio de desenvolvimento de medicamentos na área. A KaNDy Therapeutics Ltd. completou recentemente a Fase IIb de um estudo sobre o tratamento de sintomas frequentes da menopausa e sintomas, com dados positivos. O início do ensaio clínico de Fase III é esperado para esse ano.
  • Aquisição da AskBio, empresa de biotecnologia. A operação representa uma aposta da Bayer em terapia genética avançada. É a maior aquisição farmacêutica da companhia desde a compra da Schering em 2006.
  • As aquisições pavimentam um novo caminho para a divisão, muito mais focado em inovação, ajudando a tratar algumas das doenças que mais matam do mundo (como o câncer e as doenças cardiovasculares). 
  • O grupo Bayer tem uma rede global de P&D, com cerca de 16 mil colaboradores em diversas localidades. Na Farma, mais de 7.500 cientistas conduzem P&D em diversos locais do mundo, principalmente Alemanha, Estados Unidos, Japão, China, Finlândia e Noruega.
  • Com 50 novos tratamentos no pipeline, a Bayer investe em startups capazes de desenvolver inovações disruptivas para o tratamento das doenças que mais matam no mundo. A companhia utiliza ainda a inteligência artificial para buscar diagnósticos mais precisos e encontrar novos tratamentos para complexos problemas de saúde.
  • O Leaps by Bayer é outro projeto que representa a inovação na Bayer globalmente. Representa uma unidade da Bayer AG que lidera investimentos de impacto em soluções para alguns dos maiores desafios da atualidade em saúde e agricultura. O portfólio de investimento inclui mais de 30 empresas trabalhando em tecnologias potencialmente disruptivas, incluindo a BlueRock Therapeutics. Desde 2015, o Leaps by Bayer já investiu mais de 800 milhões de dólares em iniciativas disruptivas que têm potencial para mudar paradigmas em nossas indústrias.
  • Além das colaborações, a empresa também criou uma área inédita na divisão farmacêutica LATAM de Transformação Digital, no setor de Tecnologia da Informação, sob liderança de Niyantri Ramakrishnan. A área é apoiada por quatro pilares do formato digital: olhar para o cliente, desenvolver as capacidades das pessoas para esse futuro, cultura da empresa (o “mindset” de como a gente consegue mudar nos pequenos momentos do dia, não só nas grandes coisas) e o core de tecnologia.
  • Vale destacar que durante o período de pandemia, tendo a transformação digital como grande aliada, mantivemos nossas operações e o fornecimento dos medicamentos funcionando normalmente, garantindo assim a continuidade dos tratamentos de nossos pacientes. Foram mais de 500 eventos virtuais realizados desde março e três lançamentos feitos de forma 100% digital. 
  • Os investimentos da divisão farmacêutica seguirão focados em medicamentos inovadores que oferecem significativos benefícios clínicos, prioritariamente nas áreas terapêuticas de Cardiologia, Oncologia, Saúde Feminina, Hematologia e Oftalmologia. Neste sentido, a companhia busca atender as necessidades crescentes de pacientes, médicos, pagadores e agências regulatórias.

  • Mais especificamente com relação à Oncologia, esse é um segmento que definitivamente é prioritário para a companhia. Prova disso é a expansão de sua atuação na área, com dois lançamentos no Brasil em pouco mais de seis meses.
  • Também apostamos cada vez mais na divisão para o segmento público. Reforçamos a importância do acesso a uma saúde de qualidade – e o quanto isso está intimamente ligado a visão da Bayer (Saúde para todos, fome para ninguém).
  • Até 2018, o mercado institucional, que inclui governos e operadoras de saúde, representava 20% do faturamento na América Latina. Os outros 80% vinham das vendas no varejo. A meta agora é que em 2022 o segmento institucional represente metade do negócio.
  • Até 2022, a meta é fortalecer ainda mais os negócios de Ciências da Vida, o que inclui uma série de medidas em relação ao portfólio, eficiência e estrutura, destinadas a aumentar a produtividade e a inovação, melhorando significativamente a competitividade. 

 

Consumer Health

Quando o assunto é autocuidado, a divisão de CH olha para todas as fases da vida, desde a concepção até o envelhecimento, oferencedo aliados e soluções para os diferentes momentos e condições que podem surgir ao longo do caminho.

  • Fazem parte do portfólio de CH da companhia vitaminas para gestantes e lactantes (Natele®), creme antiassaduras para bebês (Bepantol® Baby), cremes que promovem hidratação profunda para pessoas com pele seca (Bepantol® Derma), suplemento vitamínico para reforçar a imunidade (Redoxon®), infecções fúngicas na pele (Canesten®) além de remédios para diversos tipos de dores (Flanax®, Aspirina®) e para condições comuns nas mulheres, como a candidíase (Gino-Canesten®) – todos com o papel de auxiliar no autocuidado, o pilar mais importante da divisão.
  • A saúde da mulher como um todo é uma prioridade. O lançamento da campanha #PPKSEMTABU, com a Sabrina Santo, é um exemplo disso. A iniciativa, que continua em 2021, pretende desmistificar problemas comuns à maioria das mulheres, como a candidíase – que atinge três em cada quatro delas – estimulando o diálogo aberto e direto sobre a saúde íntima feminina. Para esse ano, o foco é trabalhar esse viés educacional com mulheres de baixa renda, facilitando seu acesso à informação e contribuindo para seu autoconhecimento.
  • A saúde mental do homem e da família como um todo também é nosso foco. Promovemos conversas e reflexões sobre o papel dos homens no contexto familiar, trabalhando fortemente a questão da paternidade ativa, com o intuito de estimular e fortalecer o vínculo dos pais com seus filhos, promovendo o bem estar de toda a família. 
  • Uma pesquisa nacional encomendada por Bepantol® Baby e realizada pelo IBOPE, para estimular o envolvimento dos homens nessas rotinas, apontou que metade dos homens participam ativamente de atividades relacionadas ao cuidado com os filhos e a maioria deseja fazer mais pelos pequenos, assumindo mais tarefas. Entretanto, as principais atividades que ficam sob responsabilidade exclusiva do pai são, por exemplo, brincar (76%) e realizar atividades de lazer como ir a parques ou cinema (55%), enquanto as mães ficam com acompanhar e agendar de consultas médicas (88%), alimentar e preparar refeições (84%), colocar para dormir (83%), dar banho (82%), entre outras. Isso mostra que essa conversa está longe de terminar, e ainda há um caminho a percorrer para que as funções e responsabilidades no contexto familiar estejam em equilíbrio.

Nesse ano, o Projeto Cegonha se destaca como uma das principais novidades permeadas pela inovação na divisão de CH.

  • O Projeto Cegonha é uma iniciativa de CH, em parceria com o LifeHub, como parte da transformação digital da Bayer, com a utilização do know-how da companhia em assuntos médicos, regulatórios e de mercado.
  • A expectativa é contribuir para o autocuidado da gestante, de forma a promover melhor qualidade de vida para ela e para o bebê. Dentro desse projeto está a disponibilização de um aplicativo, de nome “Cegonha”, para uma gestão completa de saúde para as mulheres.
  • O projeto é baseado em dados de uma pesquisa conduzida pela Medicus AI, uma healthtech que, entre outras atividades e com o auxílio da Inteligência Artificial, interpreta e traduz relatórios médicos para que sejam compreendidos mais facilmente pelas pessoas. Entre eles, está o fato de que as três maiores preocupações das gestantes são o ganho de peso, restrições alimentares e dor durante o parto. Além disso, as principais funcionalidades esperadas pelas gestantes em um aplicativo são acompanhamento do feto, notícias e conteúdo sobre gravidez e monitoramento de sintomas. O app, portanto, será desenvolvido para suprir essas e outras necessidades, oferecendo checkups pré-natais; interpretação de exames; monitoramento da saúde do bebê e da gestante; e possibilidade de tirar dúvidas com um especialista. 
  • Clínicas e os médicos também serão contemplados, por meio de funcionalidades como monitoramento do paciente; detecção de riscos; e entrega de ultrassom e laudos. O conteúdo será escrito e revisado por um time de médicos especialistas.
  • A previsão é que o app seja lançado no segundo semestre de 2021.

Em 2020, a divisão de Consumer Health da Bayer apresentou números positivos de suas marcas. A maior representatividade se deu com as vendas da suplementação vitamínica – um dos fatores decisivos para prevenção de doenças. Para 2021, a divisão pretende fazer uma série de investimentos e lançamentos importantes permeados pela inovação.

  • Ao contrário do que muitas empresas enfrentaram na crise da pandemia, em 2020, a Bayer apresentou números positivos de suas marcas em CH.
  • Entre os meses de janeiro a novembro de 2020, o mercado de vitaminas obteve um crescimento de 53% em valor (Fonte IMS/IQVIA), com destaque para a vitamina C (alta de 63%) e os multivitamínicos (alta de 64%). 
  • Líder no mercado de vitamina C (22,9% de participação), Redoxon viu suas vendas dispararem, com um salto de 48% no período. Supradyn teve alta de 14% neste mesmo período. As duas marcas, juntas com Natele, formam a categoria de nutricionais da Consumer Health que em 2020 representou 34% (entre janeiro e novembro) do valor das vendas diretas da empresa. Nas vendas indiretas, chegou a 29% de representatividade.
  • Regionalmente, o Nordeste foi o representante de maior crescimento pela categoria (considerando apenas as marcas da Bayer), liderado pelos estados de Paraíba, com um aumento de 69%, e Pernambuco, com 63%.
  • Dentre as principais regiões, a demanda teve crescimento igual ou superior a 36% também nos estados de Piauí (53%), Bahia (46%), Distrito Federal (46%), Maranhão (43%) e Rio de Janeiro (37%), demonstrando o bom desempenho da categoria em todo o país.
  • Além desse crescimento, considerando ainda de janeiro a novembro do ano passado, em comparação com o mesmo período de 2019, em termos de sell out de unidades, outras marcas também tiveram desempenho muito positivo: Flanax (+34,4%), Fam. Canesten (+23,7%), Aspirina (223%) e Bepantol Derma (+12,0%) são algumas delas.
  • Todos esses dados colocam o Brasil como o maior mercado de Consumer Health da Bayer na América Latina, sendo, inclusive, três vezes maior que o segundo maior mercado, que é o México. Comparativamente, é a multinacional do segmento que mais cresce no Brasil.
  • Para 2021, CH segue priorizando o pilar de autocuidado. Essa questão, além dos cuidados com a imunidade, se fortaleceu ainda mais no último ano, devido às mudanças na rotina e nos cuidados decorrentes da pandemia da COVID-19. As pessoas passaram a se cuidar mais, a se prevenir de doenças e outros problemas.
  • A decisão está alinhada às constatações que fazem parte da pesquisa IBOPE realizada pela divisão CH durante a pandemia. Entre os achados mais relevantes, o levantamento revelou que 84% dos entrevistados buscam ter uma rotina de autocuidado, mas apenas 1/3 deles consegue pôr em prática esses hábitos regularmente. O que reflete um grande potencial de crescimento.
  • O brasileiro atualmente entende que o cuidado com o próprio corpo e saúde traz como principais benefícios o estímulo do sistema imunológico (31%), a diminuição da probabilidade de ficar doente (25%) e a promoção do bem-estar (21%).

 

Bepantol® Baby Lenços Umedecidos

  • O primeiro lançamento do ano foi Bepantol® Baby Lenços Umedecidos. O produto já está disponível nas principais redes de farmácias do Brasil e insere a marca em uma categoria que movimenta, atualmente, cerca de R$ 618 milhões ao ano no canal Farma no país, e que obteve um crescimento de 9% em volume e 15% em valor no último ano, segundo dados IQVIA.

  • Essa é uma iniciativa muito importante para o portfólio da marca, pois trata-se de uma categoria que vende mais de 50 milhões de unidades por ano (dados IQVA). Bepantol® Baby possui hoje uma forte atuação nesse mercado – é a marca líder em antiassaduras –, e temos grande sinergia e confiança dos consumidores. Estamos trazendo um produto novo, com um aval de qualidade centenária da empresa.
  • Qualidade, inclusive, é o principal atributo buscado pelos consumidores no momento da compra, independentemente do tipo de produto. É o que mostra um estudo realizado pelo Guia Farma de Universo Infantil, com o apoio da Bayer em parceria com a IQVIA/ESPM, em 2018. Segundo a pesquisa, o momento da troca de fraldas é de grande importância para as mães, pois uma das maiores preocupações é o risco de o bebê desenvolver assaduras. Sendo assim, a compra desses produtos é funcional, ou seja, elas ficam atentas às funções e benefícios que os produtos apresentam. 
  • Com isso em mente, a Bepantol® Baby, que está sempre focada no bem-estar de toda a família, traz agora este lançamento que vai além dos lenços comuns. Com sua fórmula única, Bepantol® Baby Lenços Umedecidos contém Pró-Vitamina B5 que hidrata a pele de dentro para fora e proporciona uma limpeza pura e delicada para a pele do bebê, já que é livre de fragrâncias, corantes e conservantes, contando apenas com ingredientes essenciais e nada mais. Além disso, Bepantol® Baby Lenços Umedecidos é clinicamente testado e hipoalergênico.

Se você deseja relatar um evento adverso ou fazer uma queixa técnica relacionada a qualquer produto da Bayer S.A.,
por favor, contate o seu médico ou acesse: https://safetrack-public.bayer.com/.
Para obter mais informações sobre benefícios e riscos dos medicamentos acesse: http://pacientes.bayer.com.br/.
Acordo celebrado com o CADE – Saiba Mais: https://www.bayer.com.br/pt/sustentabilidade/acordo-de-controle-em-concentracoes-firmado-com-o-cade